quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Por que os filhos das trevas são mais prudentes que os filhos da LUZ?

            

           Esse é um questionamento que ando me fazendo desde o dia em que vi o vídeo a seguir. Ele se passa na cidade de Nova York no programa da Oprah, importante apresentadora de um Talk-Show americano. O que mais me impressiona é que 20 mil fãs se reuniram para criar uma coregrafia para o apresentação do grupo Black Eyed Peas que aconteceria naquele mesmo dia. Eles programaram essa coreografia sem vazar na internet!! Encontraram-se com 800 fãs, estes 800 passaram para mais 800 fãs e assim foi até chegar o número real de 20 mil fãs!! 


video


Parece que muitas vezes nós não sabemos o nosso papel. O vídeo me dá arrepios ao pensar que nós temos o poder que a nós foi conferido pelo Senhor Jesus, mas esse poder nós ainda não aprendemos a lidar com ele. Por este motivo, ao que parece é que os filhos das trevas são mais prudentes que os filhos da luz. Porque eles sabem o papel deles, nós não, e por causa disto, parecem serem maiores do que são. Outro ponto também que posso citar, é o fato do diabo, nosso adversário maior, estar nos vigiando, querendo uma brechinha para tragar a quem der essa brecha. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar; resisti-lhe firmes na fé"(1 Pe 5.8-9).

Os filhos das trevas lutam com afinco contra os filhos da luz. Os filhos da luz por sua vez não sabem contra quem lutar. Em concordância com Sérgio Valle, de quem retiro alguns trechos de seu texto, ele diz: "Então nesse ponto os filhos das trevas são mais luz do que os filhos da luz"! - Engraçado não? Não, não é! Misericórdia! Mas tenho que admitir é verdade. Não exercemos nosso papel como guerreiros da luz. Não faço menção para fazermos um vídeo em um show "mais" dançante diríamos assim de algum grupo cristão, porque segundo a bíblia isto seria imitar o mundo, Não ameis o mundo, nem o que há no mundo. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele” (Jo 2.15), me refiro ao fato de não termos uma alegria tão inidizível, demonstrando de fato que Cristo nos tirou do império das trevas e nos conduziu para o reino do seu filho Jesus! Alegria esta que poderia impactar as vidas das pessoas que estão ao nosso redor.

Falar de Jesus é fácil, o difícil é sermos seus discípulos, fiéis discípulos.

O discípulo não é apenas um ser que levanta as suas mãos e o adora, isso ele tem que fazer sempre, é um estilo de vida. O discípulo é aquele que leva a cruz para todos os lugares, professa sua fé, em atos poucos praticados hoje, como devolver uma simples moedinha que passou a mais no troco por exemplo. O discípulo segundo nosso apostólo e como fala a palavra, Entrai por suas portas com ações de graças e nos seus átrios, com hinos de louvor; rendei-lhe graças e bendizei-lhe o nome", Salmos 100:4. Segundo este trecho da palavra, devemos adentrar ao santuário realizando essa prática, essa educação. Tava pensando agora na palavra educação, e na aula de empreendedorismo, o professor deu uma definição de educação: " é um conjunto de práticas adquiridas com o passar de um tempo"! Achei muito interessante essa definição.

Jesus nos deu toda autoridade que recebeu do Pai.

O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento. Porque tu, sacerdote, rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; "(Os. 4,6). Lembrem-se, somos sacerdotes reais. Muitos não divulgam isto. Somos sacerdotes reais diante de Deus. Todos dizem sou escolhido, sou povo de Deus, e isto é verdade, mas também é sacerdote real. Sacerdote intercede a Deus pelo povo, ora por ele, pede perdão pelos seus pecados e os do povo. Exerça aquilo que foi chamado a fazer. Quando o povo estava passando por dificuldades os filhos de Deus oravam e Ele os atendia. Eles eram cheios de pecados, mas ousavam pedir a Deus, e Jesus nem tinha vindo ao mundo ainda. E nós que somos livres do pecado em Cristo, por que não assumimos nossas funções e oramos, intercedendo para que nossa cidade mude. Combatendo as trevas. Deitando óleo nas feridas do povo. O que estamos fazendo com o que nos foi dado? O mundo não pode receber o que nos foi dado. (JÓ.14,17) Recebemos o Espírito para sermos algo que não estamos sendo e que precisamos ser. O mundo jaz no maligno, mas tende bom animo Eu venci o mundo e vocês vencerão também se estiverem em Mim. Estamos em guerra com satanás e suas hostes lembrem-se disto. e  não seremos derrotados se estivermos em Cristo.
Podemos ser íncríveis, seres que compartilham uns com os outros como era em atos suas necessidades. Podemos ser mais, sei que não somos todos perfeitos, mas a bíblia nos ensina que quando o perfeito vier aniquilará o que é imperfeito. É um fato, não podemos ser totalmente perfeitos aqui na terra, mas que em nome do Senhor Jesus, sejamos mais amigos, mais irmãos uns dos outros. Que assim como no vídeo, onde as 20 mil pessoas não se conheciam e passaram para frente essa coreografia, que assim seja um dia, onde não teremos que lutar contra outros cristãos, contra nós mesmos, mas contra o nosso inimigo que tenta nos tirar da presença maravilhosa do Senhor Jesus.


Por Geyson Andrade e com algumas adaptações do texto de Sergio Valle. Fonte: http://sementesdecristoluz.blogspot.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário